...
Home / Vistas / Museu Nacional de Arte Antiga

Museu Nacional de Arte Antiga

Conheça o Museu e seja transportado para um mundo onde obras-primas da Idade Média e os inícios da Contemporaneidade são cuidadosamente preservadas e exibidas.

Museu de Arte Antiga observado do Rio Tejo

O Museu Nacional de Arte Antiga é um testemunho do património cultural português. Fundado em 1884, o museu está instalado num antigo palácio, o Palácio dos Condes de Alvor, o que contribui para a sua grandeza e encanto. Atualmente, a sua coleção abrange mais de 500 anos de história da arte, com peças de escultura, pintura, ourivesaria e artes decorativas, europeias, de África e do Oriente.

Composto por mais de 40 000 itens, a importância do museu vai para além da sua coleção. O Museu Nacional de Arte Antiga desempenha um papel vital na educação dos visitantes sobre a história e as realizações artísticas do país, tornando-o assim numa importante instituição cultural em Lisboa.

Museu de Arte Antiga
Museu de Arte Antiga

A beleza arquitetónica do Museu Nacional de Arte Antiga

Para além da sua impressionante coleção, o Museu Nacional de Arte Antiga é um típico exemplo da arquitetura civil portuguesa da época. O design do edifício reflete a grandeza e a elegância do palácio que outrora foi, com a sua fachada ornamentada e pormenores intrincados.

Primeiramente, ao entrar no museu é recebido por um deslumbrante pátio central adornado com belos azulejos e rodeado por corredores em arco. Além disso, o museu possui duas salas de tetos pintados com quadraturas, atribuídas ao artista florentino Vincenzo Bacherelli. Em meados do século XVIII, outros tetos receberam ornamentações em estuque de caprichoso recorte rocaille, do artista Giovanni Grossi.

As obras de modernização mais recentes, realizaram-se em 1983 e entre 1992-1994, pelo arquiteto João de Almeida. Estas intervenções permitiram ampliar os espaços de exposição, aumentar as áreas de serviços técnicos e administrativos, para que se desenvolvessem melhores condições para a visita no museu.

As exposições e coleções imperdíveis do Museu de Arte Antiga

Ao passear pelas galerias do Museu Nacional de Arte Antiga, irá encontrar um leque diversificado de exposições e coleções que mostram o brilho artístico de diferentes períodos. Uma das pinturas mais importantes é, sem dúvida, a “Veneração de São Vicente”, considerada um importante documento histórico, que retrata algumas personalidades como Henrique o Navegador. Os Painéis de São Vicente, como é conhecida esta coleção, é atribuída ao célebre pintor da corte D. Afonso V, Nuno Gonçalves.

Outra exposição imperdível é a coleção de pinturas europeias, que apresenta obras de artistas de renome de todo o continente. Desde as pinturas assombrosamente belas de Jheronymus Bosch aos retratos cativantes de Albrecht Dürer, estas obras-primas são um testemunho da habilidade e criatividade dos artistas europeus ao longo da história. Contudo, a coleção também inclui obras de pintores flamengos, italianos e espanhóis, proporcionando uma visão abrangente da arte europeia.

Bilhetes, horários e acessibilidades

Para tirar o máximo partido da sua visita ao Museu Nacional de Arte Antiga, é importante planear com antecedência. O museu está aberto de terça-feira a domingo, com horários variáveis consoante o dia. Nesse sentido, é aconselhável consultar o website do museu para obter as informações mais atualizadas sobre os horários de abertura e eventuais encerramentos temporários.

Os bilhetes podem ser adquiridos na bilheteira do museu ou online. O museu oferece diferentes opções de bilhetes, incluindo descontos para estudantes, seniores e famílias. Por conseguinte, recomenda-se que compre os seus bilhetes com antecedência, especialmente durante as épocas de maior afluência de turistas, para evitar longas filas de espera e garantir uma entrada sem problemas.

O Museu Nacional de Arte Antiga está empenhado em proporcionar acessibilidade a todos os visitantes. São fornecidos guias áudio e textos descritivos para melhorar a experiência dos visitantes com deficiência visual. Se tiver algum requisito específico de acessibilidade, é aconselhável contactar o museu com antecedência para garantir uma visita confortável.

Tempo para comprar uma recordação ou beber um café

Antes de deixar o Museu Nacional de Arte Antiga, não se esqueça de passar pela loja de recordações do museu. Aqui encontrará uma grande variedade de livros, postais e outras recordações relacionadas com a coleção do museu. Visto que há lembranças e presentes perfeitos para os entusiastas da arte.

Se tiver fome ou precisar de uma pausa, o museu também conta com um café onde pode relaxar e desfrutar de bebidas ligeiras.

O que fazer a seguir?

O Museu Nacional de Arte Antiga está localizado a uma curta distância a pé da famosa Torre de Belém, Património Mundial da UNESCO e um símbolo da história marítima de Portugal. O Mosteiro dos Jerónimos, outra obra-prima da arquitetura, também se encontra nas proximidades e merece uma visita.

Para quem procura algo diferente, também temos a solução. Venha descobrir Lisboa de outro ângulo! Observe o Museu Nacional de Arte Antiga e muitos outros monumentos a partir do Rio Tejo. Durante o passeio de barco transmitiremos também um pouco mais sobre a história de Portugal e dos monumentos que observar.

Experiências relacionadas

"O barco de cada um está dentro de seu próprio peito (Couto, Mia)." Descubra o seu barco e o marinheiro que há em si.
Todas as Experiências

Deixe-nos tornar o seu passeio por Lisboa ainda mais especial!

Seraphinite AcceleratorOptimized by Seraphinite Accelerator
Turns on site high speed to be attractive for people and search engines.