Home / Vistas / Parque das Nações

Parque das Nações

A Lisboa moderna

O Parque das Nações, localizado na zona oriental de Lisboa, é uma das áreas mais modernas e desenvolvidas da cidade. Foi construído para a Exposição Internacional de Lisboa de 1998, e hoje é um popular destino turístico e de lazer para os moradores da cidade.

Vista do Parque das nações desde o Rio. Identificam-se a Torre da Vasco da Gama, a ponte Vasco da Gama, o Pavilhão atlântico e o Oceanário

O Parque das Nações é um dos bairros de Lisboa mais modernos da cidade e uma atração por si só. Surgiu ligado à Expo 98 – Exposição Internacional de Lisboa de 1998, cujo tema foi “Os oceanos: um património para o futuro”. Daí a origem do nome incluir “nações”, já que o evento acolheu países do mundo todo.

Após a Expo 1998, ao invés de se desmontar tudo, o local permaneceu com todas as instalações e construções e, atualmente, é uma das zonas turísticas de Lisboa onde modernidade e arte estão bem presentes.

O Parque das Nações foi construído numa área anteriormente ocupada por fábricas e armazéns, e inclui uma série de edifícios e estruturas modernas, incluindo um centro de congressos, um centro de exposições e um oceanário.

Um dos principais marcos do Parque das Nações é a Torre Vasco da Gama, com 140 metros de altura.

O Oceanário de Lisboa

Também o Oceanário de Lisboa, originalmente Pavilhão dos Oceanos, é outra atração popular do Parque das Nações. É o segundo maior oceanário da Europa e abriga uma variedade de espécies marinhas, incluindo tubarões, pinguins, raias e peixes tropicais. Isto é, no seu habitat convivem mais de 8.000 animais de um total de 500 espécies diferentes.

O Parque das Nações é um grande parque urbano, com surpreendentes jardins temáticos e oferece uma variedade de atividades ao ar livre, incluindo, entre outras, caminhadas, passeios de bicicleta e patinagem. Além disso, o passeio de teleférico é uma atividade bastante popular e onde se pode, de forma bastante tranquila, descobrir esta zona de uma perspetiva única.

Atualmente dispõe de uma série de instalações culturais e de lazer. O Teatro Camões, o Casino de Lisboa, o Pavilhão do Conhecimento, o Pavilhão de Portugal e o Centro Comercial Vasco da Gama são apenas alguns dos exemplos de estruturas que podem ser visitadas nesta zona de Lisboa.

Tudo isto ao longo do Rio Tejo, desfrutando de mais de cinco quilómetros de uma paisagem arrebatadora, no coração de Lisboa, de fácil acesso e estacionamento, conjugado com uma vasta oferta comercial e de restauração.

Experiências relacionadas

"O barco de cada um está dentro de seu próprio peito (Couto, Mia)." Descubra o seu barco e o marinheiro que há em si.
Todas as Experiências
Ilustração de um veleiro com o sol no céu

Venha descobrir este e outros tesouros… de um ângulo nunca visto, a bordo de um dos nossos veleiros.