...
Início » Vistas » Central Tejo

Central Tejo

Foi, durante mais de três décadas, a maior central elétrica do país

Perto do MAAT fica a antiga Central Elétrica de Lisboa, hoje em dia mais conhecida por Museu da Eletricidade ou Central Tejo.

Central Tejo ao anoitecer, completamente iluminada

A Central Tejo foi uma central termoelétrica que abasteceu de eletricidade toda a região de Lisboa. Construída em 1908, o seu período de atividade produtiva está compreendido entre 1909 e 1972. A partir de 1951 foi utilizada como central de reserva, ou seja, produzindo apenas para completar a oferta de energia das centrais hídricas.

Foi, durante mais de três décadas, a maior central elétrica do país, fornecendo eletricidade à cidade de Lisboa, a todo o seu distrito e ao Vale de Santarém. No entanto, em 1975 foi desclassificada, saindo do sistema produtivo. Assim, ao longo do tempo sofreu diversas modificações e ampliações, tendo percorrido diversas fases de construção e alteração dos sistemas produtivos.

Numa nova Era da sua existência, a Central Tejo abriu ao público pela primeira vez em 1990 como Museu da Eletricidade. Logo após um novo período de obras de restauro dos seus edifícios e equipamentos, reabriu definitivamente em 2006.

Central Tejo vista desde o rio, durante o dia
Uma relíquia da arquitetura industrial portuguesa

O seu edifício

A sua exposição permanente, designada como Circuito Central Elétrica, apresenta maquinaria original, em perfeito estado de conservação, através da qual se conta a história desta antiga fábrica, bem como a evolução da eletricidade até às energias renováveis. Espaço de ciência de base industrial, é um dos polos museológicos mais visitados em todo o país.

A Central está instalada num edifício que é uma relíquia da arquitetura industrial portuguesa da primeira metade do século XX. Apresenta uma imponente estrutura de ferro revestida a tijolo, e revela nas suas fachadas diversos estilos artísticos, desde a arte nova ao classicismo.

Quais são as fontes de energia, como acontece o processo de produção, transporte e distribuição de eletricidade, quem são os cientistas que a estudam? As respostas a estas e outras perguntas podem ser encontradas numa visita a este espaço.

E se, entretanto, quiser saber mais sobre a evolução da Central e do MAAT entre 1909 e 2016, pode assistir abaixo a uma interessante visita virtual.

Com uma localização privilegiada, de fácil acesso e com programas educacionais, é uma excelente opção de passeio para toda a família.

Experiências relacionadas

"O barco de cada um está dentro de seu próprio peito (Couto, Mia)." Descubra o seu barco e o marinheiro que há em si.
Todas as Experiências
Ilustração de um veleiro com o sol no céu

Venha descobrir este e outros tesouros… de um ângulo nunca visto, a bordo de um dos nossos veleiros.

Seraphinite AcceleratorOptimized by Seraphinite Accelerator
Turns on site high speed to be attractive for people and search engines.