Home / Aprender / Sinais Náuticos

Sinais Náuticos

O Código Internacional de Sinais é composto por 26 bandeiras alfabéticas, 10 numéricas, três substitutas e um galhardete de código ou reconhecimento. Aprenda aqui um pouco da sua história e dos respectivos significados.

O Código Internacional de Sinais ou código de Bandeiras, utiliza uma “linguagem” compreensível e entendível por todos, e é de fundamental importância para a segurança de todos que vão ao mar.

Até o século XVI a sinalização entre navios era feita içando as velas em determinadas posições ou disparando canhões. Sabemos que Vasco da Gama sinalizava da seguinte forma: Um sinal de fogo era ordem de continuar, dois de virar, três de içar a vela moneta e quatro para amainar.

Durante os séculos XVI e XVII os Ingleses e Holandeses hasteavam uma bandeira vermelha para sinalizar o início de um combate e uma preta para sinalizar o seu fim.

Desde o princípio de século XVIII vários códigos de comunicação naval têm sido elaborados e largamente difundidos na Marinha Mundial, como o do Almirante Inglês Richard Howe em 1777.

Outros códigos diferentes foram publicados como o Dinamarquês (Rhode), o americano (Rodgers) e o Francês (Reynold).

De uma revisão em 1961 resultou o código atual, que tinha sido concebido em 1855 e publicado na Inglaterra em 1857, tendo sido editado pela última vez em 1988 pela IMO (International Maritime Organization).

O Código Internacional de Sinais é composto por 26 bandeiras alfabéticas, 10 numéricas, três substitutas e um galhardete de código ou reconhecimento. Todas as bandeiras alfabéticas, excepto a letra “R”, significam uma mensagem distinta. Pode-se combinar umas com as outras sendo lidas do topo para a base. As bandeiras foram concebidas de modo a serem reconhecidas mesmo estando parcialmente cobertas.

Código Internacional de Sinais

BandeiraSoletração fonética e alfabeto CWSignificado
AlfaTenho um mergulhador na água. Mantenha-se afastado e navegue a baixa velocidade.
BravoEstou a carregar ou descarregar, ou a transportar carga perigosa.
CharlieSim (resposta afirmativa ou “O significado do grupo anterior deve ser interpretado na forma afirmativa”).
DeltaMantenha-se afastado de mim; estou a manobrar com dificuldade.
EchoEstou a guinar para estibordo.
FoxtrotEstou com avaria; comunique comigo.

 

Experiências relacionadas

"O barco de cada um está dentro de seu próprio peito (Couto, Mia)." Descubra o seu barco e o marinheiro que há em si.
Todas as Experiências

Venha descobrir Lisboa e o significado de outros sinais náuticos…